Câmara aprova projeto de criação do Parlamento Jovem

 

A Câmara de Vereadores de Santo Antônio da Patrulha aprovou por unanimidade, o Projeto de Lei que dispõe sobre a criação do Parlamento Jovem na cidade e dá outras providências. O projeto foi uma iniciativa do vereador Charlis Santos, que protocolou o documento no dia 12 de junho deste ano.


Segundo o vereador, o objetivo deste projeto é fazer com os jovens que estudam nas escolas da cidade, se envolvam com a política elegendo um representante de cada instituição. Os 13 alunos selecionados nas escolas (que obtiverem mais votos), escolherão um vereador para ser seu assessor e participar do dia a dia da Câmara pelo período de 90 dias.


Charlis explica que “consequentemente envolvendo os jovens, as famílias e as escolas no processo político e nas decisões da Câmara, estaremos cuidando do futuro da nossa cidade”.


A participação do representante do Parlamento jovem no será voluntária e facultativa, não gerando qualquer vínculo com a Edilidade e com o Poder Legislativo, sendo que a sua diplomação ocorrerá na Sessão de Posse. Além disso, para a execução da presente Lei poderão ser firmados convênios ou parcerias com órgãos públicos ou entidades privadas, visando a colaboração nos processos de eleição, capacitação e acompanhamento dos trabalhos do Parlamento Jovem.