Faltômetro é sugerido por Samuka para diminuir absenteísmo nos Postos de Saúde

 

A exemplo do que foi implantado na cidade de Esteio, o vereador Samuel Souza, Samuka, PTB, protocolou uma Indicação, na 31ª Sessão Ordinária da Câmara, para que a Administração Municipal, através da Secretaria Municipal de Saúde, adote o uso de “faltômetros” em todas as unidades de Saúde do Município. A intenção é de orientar os pacientes e sensibilizar os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) sobre as faltas em consultas médicas e odontológicas, disponibilizando informativos com o número de pacientes faltantes, em caráter orientativo.

Na cidade de Esteio, a iniciativa foi implantada há cerca de 2 meses e têm surtido efeito. Quem espera atendimento na principal Unidade Básica de Saúde de lá (Cruzeiro) fica de frente a um cartaz que mostra quantas pessoas faltaram às consultas na UBS no mês anterior. Embaixo dos dados, uma frase de impacto, para chamar a atenção dos pacientes: “A consulta que você falta faz falta a alguém”. Nas demais Unidades da cidade cartazes semelhantes também “recepcionam” os usuários e apresentam os números de cada unidade.

O “Faltômetro”, surgiu de uma ideia dos próprios servidores, para conscientizar os usuários sobre a importância comparecer às consultas médicas, e que, aos poucos, está sendo implementada nas outras unidades da rede de saúde municipal. Segundo a Prefeitura de Esteio, os cartazes estão tendo o efeito desejado, já que a taxa de absenteísmo (falta às consultas) tem diminuído significativamente.

Samuka lembra que, quando um usuário deixa de comparecer a uma consulta já marcada, ele prejudica a todo o sistema de saúde da cidade. Além de deixar uma outra pessoa sem cuidado, também faz com que toda a estrutura da equipe de saúde fique sem poder dar atenção a outras pessoas.