Valtair sugere mais vagas nas escolas infantis da rede Municipal

A falta de vagas em creches tem sido uma realidade enfrentada por muitas mães que precisam sair de casa para trabalhar. Sem acesso à rede pública universalizada de cuidados para crianças de até 3 anos, as trabalhadoras com filhos pequenos sofrem uma série de exclusões no mercado corporativo, o que prejudica a inserção e o desenvolvimento profissional feminino.

A oferta de creches gratuitas e de qualidade tem tudo a ver com o desenvolvimento profissional, social e econômico dos municípios. A falta de local para deixar as crianças impede que trabalhadores com filhos pequenos, majoritariamente mulheres, se insiram, se mantenham e avancem no mercado.

Na 30ª Reunião Ordinária da Câmara de Vereadores, desta segunda-feira (30), o vereador Progressista Valtair Andrade encaminhou a Indicação nº 182/2021, ao Poder executivo, sugerindo que seja estudada a viabilidade de reabertura do atendimento, com o maior número possível de vagas, junto às escolas infantis da rede municipal, para auxiliar estas mães a seguirem exercendo suas atividades laborais.

O problema atinge todas as camadas sociais, mas as famílias de baixa renda são as mais afetadas. “As que têm melhores condições financeiras ainda podem pensar e avaliar onde deixar os filhos, com uma babá ou numa creche particular. Já as que não podem arcar com os custos desse tipo de serviço ficam numa situação muito limitada”, compara Valtair.