Diego propõe curso de capacitação de primeiros socorros a todos os professores e funcionários da rede municipal de ensino

Nos últimos dias a polícia investiga um caso trágico em Petrópolis, na região Serrana do Rio de Janeiro, onde uma bebê de apenas um ano morreu vítima de engasgamento depois de comer um pedaço de maçã servido no lanche de uma creche.

Bastante preocupado com a saúde das crianças e estudantes patrulhenses, motivou o vereador a encaminhar uma indicação, ao Poder Executivo, que visa prevenir este tipo de acidente trágico em Santo Antônio. Na última segunda-feira, dia 04, apresentou a sua Indicação nº 175/2022 e defendeu, na tribuna, durante a 22ª Reunião Ordinária. A iniciativa adequa o Município à Lei Federal 13.722/2018, conhecida como Lei Lucas.

Diego propõe através da secretaria da Educação em parceria com o Corpo de Bombeiros, médicos, enfermeiros e auxiliares de enfermagem, um curso de capacitação de primeiros socorros a todos os professores e funcionários da rede municipal de ensino, que tenham contato direto com os alunos.

Para ele, faltam poucos detalhes, tecnicamente já está bem resolvido e os ajustes da reunião foram no sentido da aprovação da secretária da Educação, Josélia Fraga, acompanhado do tenente do Corpo de Bombeiros/SAP, Joel Cardoso. “Realmente é uma segurança a mais para os pais”, afirmou o pedetista ao defender a proposta na tribuna da Câmara. "Qualquer tipo de situação pode acontecer nas escolas, então é sempre importante conhecer para poder ajudar na hora em que os imprevistos acontecem, a gente fica mais confiante”.

Segundo o vereador, o treinamento em Primeiros Socorros tem como objetivo: capacitar os professores e os funcionários de toda rede pública municipal para, exercerem as técnicas de primeiros socorros e estarem preparados para qualquer emergência que exija atendimento imediato às vítimas no âmbito das escolas, creches ou instituições de ensino superior do município. A ideia é prevenir acidentes. 

Notícias