Convite Transporte

 

Convite  para reunião na Câmara de Vereadores de Santo Antônio da Patrulha, a pedido do Vereador André Selistre, Presidente da CCJ, a ser realizada na data de 09 de abril de 2018, às 14 horas no Plenarinho Ver. Luiz Tedesco, tendo como pauta a análise ao Projeto de Lei nº 269/2017, que Dispõe sobre o sistema de Transporte Público Coletivo de passageiros de ônibus no município.

Leia aqui o resumo da Ordem do Dia e do Expediente da 9ª Reunião Ordinária da Câmara, realizada no dia 02 de abril de 2018.

Acompanhe também o áudio da Sessão clicando no ícone Câmara em áudio - No Ar

 

A primeira edição do Gabinete Móvel de 2018 ocorreu no dia 31 de março na localidade de Montenegro, Içara e Sertão do Montenegro. Desta vez, o vereador Rodrigo Massulo ouviu os moradores indo de casa em casa para recolher as demandas da localidade e região.


Todos os meses um bairro ou uma localidade diferente receberá o Gabinete Móvel, com um bom chimarrão e ouvidos atentos. As informações arrecadadas serão repassadas ao Executivo através do vereador.

 

Após inúmeros pedidos e requerimentos ao Executivo, para favorecer as estradas das comunidades do 2º e 3º Distrito de Santo Antônio da Patrulha, o vereador Marcelo Gaúcho decidiu conversar pessoalmente com o Prefeito em exercício, José Francisco Ferreira da Luz, juntamente com os moradores daquela região. A reunião ocorreu na terça-feira, dia 27 de março no gabinete do prefeito e contou com representantes de empresas e indústrias das localidades.


A maior reclamação dos moradores é a condição das estradas e o prejuízo que a má conservação das mesmas vem trazendo aos empresários. A proprietária da indústria de doces Puxa da Boa, Denise Oliveira e sua funcionária, Vanusa Trintin, falaram que fornecedores e transportadoras estão se negando a ir até a empresa para entregar insumos e carregar cargas por conta da péssima situação das vias. Elas também reclamaram da falta de atenção do Secretário e do Diretor de Obras, Trânsito e Segurança, André Randazzo e Dalmo Tedesco, para com os moradores.


O proprietário da empresa de Transportes Catanduva, Amaral Borges Gil, também falou sobre a questão da segurança no transporte escolar, pois trafegar naquelas estradas com crianças é perigoso, da maneira como se encontram.


Zezo falou que as chuvas impedem a manutenção daquelas estradas, mas assume que falta uma atenção maior da parte da prefeitura para aquelas localidades. O prefeito em exercício também disse que o executivo está em vias de contratação de um funcionário específico para o patrolamento das ruas daquelas localidades.


Marcelo enfatizou a importância do 2º e 3º Distrito, pois fornecem grande parte da arrecadação do município, além a geração de emprego e renda para a cidade.

 

Na tribuna da 8ª Sessão Ordinária da Câmara de Vereadores de Santo Antônio da Patrulha, o vereador Valtair Andrade, Pelado, falou sobre o Pedido de Informações encaminhado à Prefeitura, a respeito da situação dos poços artesianos na localidade de Lagoa dos Barros. Além da dúvida que o Legislativo tem, sobre a responsabilidade de início da obra (DAER ou município).


O Requerimento 112/2018 solicita que sejam remetidas a Casa Legislativa, no prazo legal de 30 dias, informações sobre qual a previsão para as efetivações e/ou construções de redes de abastecimentos de água que vão beneficiar inúmeras famílias residentes nas localidades de Lagoa dos Barros e Portão II.


A população daquela região, espera há mais de cinco anos para que a obra comece. O e encanamento tem de perfurar parte da RS 030 e Freeway, portanto precisa da liberação do DAER para isso. Porém, a prefeitura deve iniciar o processo, encaminhando um pedido escrito ao DAER, o que ainda não foi feito.


Após ser apoiado por vários outros vereadores, que também estão preocupados com a situação dos moradores daquela região, o vereador foi até a Superintendência Regional do Departamento de Estradas e Rodagens – DAER, em Osório, na tarde do dia 28 de março, quarta-feira.


Lá, conversou com a Engenheira Civil Daiani P. Trisch, especialista rodoviária, que assegurou que o Pedido para perfuração dos poços, que deve ser encaminhado pela Prefeitura, ainda não chegou até eles. Portanto, assim que o documento for recebido, eles darão início à obra.