sessoes ordinarias

SESSÕES ORDINÁRIAS:

segundas-feiras, às 16 horas.
Vereador quer que o sistema de transporte de pacientes no município seja reavaliado
Vereador quer que o sistema de transporte de pacientes no município seja reavaliado

 

O vereador Marcelo Gaúcho acompanhou, na madrugada desta terça-feira, 30, o longo trajeto que uma família do interior do município precisa fazer para conseguir acessar o transporte público de saúde de Santo Antônio da Patrulha até Porto Alegre.

Um bebê de 5 meses, acompanhado pelos pais, precisa sair de casa ás 4h e 40min da manhã e caminhar no escuro por dois quilômetros até chegar a parada de ônibus na ERS 030, onde aguarda o transporte da Secretaria de Saúde. O ônibus, que deveria chegar ao local ás 5h, chegou apenas ás 5h e 50min, e deixou a família aguardando no sereno e no escuro por mais de uma hora. Por sorte, não estava chovendo.

A consulta da mãe do bebê estava marcada para as 8h e 30min, mas como a criança ainda é de colo e mama precisa estar junto da mãe. Dentro do ônibus haviam pacientes que tinham consulta marcada apenas para a tarde, incluindo idosos e crianças, que teriam que esperar mais de 6 horas para serem atendidos.

Após relatar o ocorrido a Secretária Municipal da Saúde, Magda Bartikoski, Marcelo foi informado de que a van que sai do município ás 10h está na oficina. Magda também falou que em breve estará marcando uma reunião com os vereadores para falar sobre o transporte de pacientes via Unesul.
Marcelo ressalta que este é apenas um dos casos que acontecem diariamente na cidade e que todas as pessoas precisam ser tratadas igualmente com relação ao transporte para Porto Alegre, visto que já estão doentes e não devem ficar tanto tempo aguardando por consulta, saindo cedo de casa e retornando só ao final do dia.

Além desses relatos ainda é valido lembrar que os pacientes devem arcar com os custos de alimentação, que não existiriam se eles não tivessem que passar o dia fora de casa, pois a maioria não tem condições financeiras para pagar essas refeições.

O vereador espera que essas situações sejam reavaliadas e estará aguardando uma solução por parte da Secretaria de Saúde, conforme conversa com a Secretária.

Detalhes

Escrito por: Claudio Franken - Assessoria de Imprensa
Categoria: Notícias
Postado: 30/01/2018
Atualização: 30/01/2018
Acessos: 113

Compartilhar

whatsapp facebook twitter
Pular para o conteúdo