Leia aqui o resumo da Ordem do Dia e do Expediente da 22ª Reunião Ordinária da Câmara, realizada no dia 03 de julho de 2017.

Acompanhe tambem o áudio da Sessão clicando no ícone Câmara em áudio - No Ar

 

A Câmara de Vereadores de Santo Antônio da Patrulha esteve representada na Assembleia Regional da Consulta Popular, ocorrida na Universidade Ulbra em Gravataí, através do vereador Rodrigo Massulo e do servidor Matheus Cristmann, que é um dos delegados do processo.


Na ocasião, foram definidas as 6 das 3 prioridades que deverão ser votadas pelos cidadãos no ano de 2017. Das 6 opções que estarão à disposição na cédula serão: 1- equipamentos, reforma e ampliação de Unidades Básicas de Saúde; 2- aquisição de veículos leves e ambulâncias; 3- aquisição de veículos e equipamentos para a segurança pública; 4- apoio ao desenvolvimento da agricultura familiar; 5- melhoramento de estradas vicinais; 6- regionalização do turismo. Neste ano de 2017 a votação será realizada nos dias 01, 02 e 03 de agosto em todo o Estado, por meio de voto secreto. Estão habilitados a votar apenas os eleitores com domicílio eleitoral no Rio Grande do Sul.


Também será disponibilizada a votação on-line e nos pontos de votação é necessário o número do seu título de eleitor. Caso você não o tenha à mão, o ambiente de votação na internet permitirá pesquisa diretamente no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).


Para participar da Consulta Popular você pode votar pelo site da Consulta Popular, presencialmente, por um aplicativo disponibilizado aos representantes dos Coredes e dos Comudes e via SMS para o número 29000.


O vereador Rodrigo Massulo ressalta que é de extrema importância que a população se mobilize e vote nas prioridades sugeridas pelo Corede da região. “Muitas já foram as conquistas de Santo Antônio que vieram através da Consulta Popular e muitas ainda podem vir, por meio do voto do cidadão”, completa.

 

Na 23º Reunião Ordinária, ocorrida em 10 de julho, o vereador João Luis Bacana, protocolou uma importante indicação ao Prefeito Daiçon Maciel da Silva. O documento sugere que o governo faça intermédio com o Estado para a Região Metropolitana, na qual o município de Santo Antônio da Patrulha se enquadra.


Bacana pede que o executivo interceda junto ao Governo do Rio Grande do Sul para que proceda à transferência do atendimento das áreas de saúde, educação e segurança do município para a Regional Metropolitana, sendo que, atualmente, estão sendo atendidas pela regional litoral. A indicação foi assinada em conjunto com a vereadora Eronita Andrade.


O vereador salienta que Santa Antônio da Patrulha pertence em partes ao Litoral Norte e em outras à Região Metropolitana, o que deve ser corrigido, visto que assim que o município passou a participar de projetos na área da capital, cresceu muito. “Precisamos pertencer a uma única região, não só pela organização e logística, como para um desenvolvimento ainda maior da nossa cidade”, ressalta Bacana.

 

Na tarde da última sexta-feira, 14 de julho, os vereadores Jorge Elóy, Marcelo Gaúcho e Rodrigo Massulo, fizeram uma visita de cortesia ao Conselho Municipal de Educação, situado no segundo pavimento do Centro de Convenções Qorpo Santo. Na ocasião foram atendidos pela Presidente e Vice-Presidente do Conselho, Carla Meregalli e Eliandra Santos e pela funcionária Noeli Decken.

Durante o encontro, os vereadores ouviram relatos de muitos problemas relacionados à educação do município, principalmente a situação em que se encontra a Escola Municipal de Ensino Fundamental Santa Inês, nos seus dois prédios. A maior preocupação da Presidência do Conselho é a precariedade do local onde hoje estudam quase 500 alunos, na maior escola do município. O perigoso estado da fiação elétrica, a falta de refeitório e mais sanitários, a madeira velha e desgastada pelo tempo, que correm o risco de desabar, além das diversas goteiras que atingem as salas de aula. Enquanto isso, o novo prédio é alvo de vandalismo e degradação.


Carla afirmou que um relatório está sendo elaborado e passará pela aprovação dos conselheiros em plenária, nesta terça-feira, 18, para então ser encaminhado às autoridades competentes. Outro ponto discutido, foi a formação do Conselho Municipal do Fundeb e a falta de respostas para as solicitações encaminhadas ao executivo.


Os vereadores salientaram que a Escola Santa Inês também é uma das maiores preocupações da Câmara e que farão o necessário para que o executivo tome alguma providência em relação a isso. Outro ponto levantado por eles foi à situação do transporte escolar, que vem tendo graves denúncias de irregularidades, causando perigo a alunos de alguns locais, como na Escola Nossa Senhora Medianeira (localidade de Boa Vista).

 

O Presidente da Câmara de Vereadores de Santo Antônio da Patrulha, André Selistre, protocolou, na última sessão ordinária da Casa, em 10 de julho, uma indicação ao Prefeito, Daiçon Maciel da Silva, para que o executivo promova melhorias na Rua Minas Gerais, junto ao bairro Pitangueiras.


A indicação, de número 045/2017, sugere que seja realizado um projeto de melhorias naquela rua, com a substituição dos canos existentes por canos de 60 cm, nos dois lados da via. O documento ainda indica que sejam substituídos os canos existentes no entroncamento da artéria até a sanga do Passo dos Ramos por canos de um metro, visando, neste caso, uma melhor vasão das águas das chuvas, pois quando há grande volume de chuvas o local fica completamente alagado, tornando-se uma espécie de bolsa com acúmulo de água.


Na mesma linha, solicita-se o recapeamento asfáltico da Rua Minas Gerais, bem como a limpeza da mesma. O vereador destaca que os atendimentos destes pleitos vêm ao encontro de reivindicações dos moradores locais e que irá beneficiar os frequentadores da via pública, que necessitam, principalmente, de melhores condições de trafegabilidade.