O suplente de Vereador do partido do SD - Partido Solidariedade, Alex do Amaral Ramos tomará posse na Câmara municipal de Santo Antônio da Patrulha como vereador no mês de setembro. Alex ocupará a cadeira no parlamento por um período de 30 dias, durante a licença do vereador titular João Luis Moreira da Silva, repetindo o ocorrido no ano de 2017. 
Alex, em novembro de 2017, protocolou pedidos de providências para melhorias em estradas do município dentre outros requerimentos, e levantou importantes assuntos na tribuna. Concorreu a vereador, em 2016 e obteve 264 votos pelo partido SD e representa a localidade de Lombas, 6º Distrito de Santo Antônio da Patrulha.

Quem trafega pela ERS-474 no acesso à Freeway certamente já notou um canteiro de obras nas margens da rodovia, mas não tem a exata dimensão do que vem se tornando a primeira Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) de Santo Antônio da Patrulha.

Com o objetivo de conhecer de perto a realidade das obras da Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan) e sobre como funcionará o sistema de processamento e tratamento dos dejetos de nossa cidade, os vereadores Charlis Santos e Jair Belloli, ambos do MDB, acompanhado do assessor Gabriel Diedrich, estiveram visitando o local na manhã do último dia 8.

O gerente local da Unidade de Saneamento da Corsan, Gabriel Lorenci, e o engenheiro Paulo Sérgio Azevedo, responsável da obra pela Construtora Pelotense, apresentaram a Estação de Tratamento de Esgoto, que terá 3 mil m² de área construída numa área total de 8,5 hectares.

A conclusão das obras de construção civil está prevista para janeiro de 2019, enquanto que a entrega completa da ETE deverá ocorrer na metade do próximo ano. Segundo o gerente da Corsan, Gabriel Lorenci, a ETE poderia estar finalizada não fosse o excesso de chuvas neste período de inverno.

Com capacidade de tratar 60 litros de esgoto por segundo, a Estação de Tratamento de Santo Antônio da Patrulha será uma das mais modernas que se têm no Estado. “50% do esgoto da cidade poderá coletado e tratado na ETE. A água que será devolvida ao meio-ambiente terá melhor qualidade que a do Açude dos Pereira, local de destino do esgoto tratado”, informa o engenheiro Paulo Azevedo.

O engenheiro destaca uma peculiaridade da ETE de Santo Antônio da Patrulha, pois ela está sendo construída numa área que se permite dobrar sua capacidade de tratamento. Portanto, a Corsan poderá estender a coleta de esgoto na cidade e tratar maior quantidade se assim for possível num segundo momento.

Agora nos meses de agosto e setembro, haverá o plantio de árvores nativas que servirão como cortina verde para a ETE. O engenheiro responsável explica que por ser moderna, não deverá haver mau cheiro, assim como na estação de Xangri-lá, diferente da estação antiga localizada às margens da Freeway em Cachoeirinha, onde exala um forte odor.

A praça pública Júlio de Castilhos, situada na Cidade Alta em frente ao Fórum, em Santo Antônio da Patrulha, encontra-se com vários reparos a serem realizados de competência da Prefeitura da cidade.

O vereador do PTB, Samuel Souza, indica o conserto das telas e reposição de areia no campo de futebol, alinhamento das goleiras, colocação de torneiras externas e a contratação de um zelador.   

A indicação dele foi protocolada na Câmara Municipal sob nº 1189, em 11 de agosto de 2018.

Ainda, de acordo com o relato do vereador, o referido campo não permite a sua utilização por usuários, ou seja, por não receber o serviço de manutenção periódica acabou ficando impróprio para a prática de atividades esportivas. Em função disso, Vereador Samuel Souza atende dessa forma o justo apelo de desportivas que frequentam o local.

Com isso, os munícipes serão incentivados a combater o sedentarismo e, ao mesmo tempo, melhorar a sua saúde e, consequentemente, ganharão mais qualidade de vida.

Se o transporte coletivo de Santo Antônio da Patrulha não agrada a muitos usuários, agora vai passar a agradar menos ainda. Usuários reclamam que certas linhas de ônibus deixaram de operar, como é o caso mais recente da localidade em Rincão do Herval. O resultado é muita indignação dos passageiros que, surpreendidos, não sabem com que linhas, de fato, podem contar. Hoje, o taxi é uma opção, mas com um custo muito alto para aqueles moradores. 
Por isso, o vereador Marcelo Gaúcho(PTB), por meio do requerimento nº416/2018, fez um pedido de informações ao Prefeito Daiçon Maciel da Silva por qual o motivo foi desativado, desde maio, a linha de ônibus que era feito pela empresa Sudeste, e qual a previsão para o retorno desta linha.

O vereador do PTB, Marcelo Gaúcho, recebeu pedidos dos moradores pela falta de coleta de lixo na localidade Colônia Soares em Arroio da Madeira.

O requerimento nº415/2018 foi protocolado na Câmara Municipal sob nº 1647 no dia 06 de agosto de 2018, foi encaminhado ao Prefeito Daiçon Maciel da Silva, para que, através da Secretária Municipal da Agricultura e Meio Ambiente, em caráter de urgência, seja feito o recolhimento de lixo.